segunda-feira, 9 de julho de 2012

Um escritor mequetrefe


Há sempre uma voz no ouvido de um grande escritor dizendo "escreva, escreva". Tipo como Forrest Gump captava sussurros de "corra, corra" - ainda que fosse rumo ao nada.

Não sei se por uma elevada perda auditiva minha ou por alguma espécie de rouquidão crônica dessa misteriosa voz, não tenho escutado nada do tipo. A razão mais provável, como quase sempre, é a mais óbvia: vai ver não sou um grande escritor.

Mas convenhamos, o buzinaço de "escreva, escreva" no ouvido não é garantia que eu iria tornar minha produção lá muito prolífica. Até porque, se ficar ouvindo uma voz insistente fosse suficiente pra me tirar da inércia, eu teria estudado mais durante o Ensino Médio. Né, mãe?

O importante é que, por um exercício extremo de teimosia, volto a remover a poeira desta caderneta virtual, com o cristalino objetivo de amolar você. Exatamente você, seu masoquista, que vez por outra dá uns cliques aqui pra catitar estas merdas de posts e depois sair por aí dizendo que o blog do Anderson é bem melhor.


Tudo bem, não me importo. Ele me serve de inspiração, sabia? Até colei na parede do meu quarto a impressão de um print do Bêbado Gonzo pra ficar atirando dardos. É que eu penso que se o Anderson, um jornalista pedreirense mequetrefe, consegue ter muitos leitores, eu também posso. Afinal, sou igualmente jornalista, pedreirense e bem mais mequetrefe que ele.


Pra atrair a atenção de leitores, claro, criei factoides, como esse ridículo paralelo com o Anderson e a completa repaginação do Oásis da Inutilidade. Para a reformulação, contratei uma equipe de designers franceses, que seguiu o moderno conceito do Greenwashing, conjugado com o GUI Grafical User Interface. O resultado, como você pode ver, alcança  rigorosamente o padrão internacional de MBS, que em sânscrito, significa a "Mesma Bosta de Sempre".

Os posts também passarão pelo crivo de um concílio formado por jornalistas, escritores e publicitários com renome internacional. O objetivo será garantir que a leitura que chegará a você alcança os elevados patamares da MBS. Essa é uma forma de o nosso blog combinar com a internet, que, assim como a TV, a minha e a sua vida, continua rigorosamente a Mesma Bosta de Sempre.


Mas meu maior objetivo, na verdade, é evitar que tais cenas se repitam:

 "Estivemos conversando e percebemos que tá na hora de você atualizar seu blog"

9 comentários:

Tereza Jardim disse...

Escritor blogueiro que fica com invejinha da visita de mocinhas em blog alheio, e acaba mendigando cliques.

Ai, credo.


(taí, bati o ponto)

Filiblog disse...

É exatamente isso, desde que tu saboreie com o teor exato de ironia que eu quis colocar heehhe

:*

Decontros disse...

égua do blog feio! cadê o trabalho da equipe de designers franceses? =P

Cristina disse...

Pois eu achei que está tudo ótimo, inclusive o texto.

Roberta Rodolfi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Roberta Rodolfi disse...

Eu achei mto legal, to sempre lendo o que vc escreve e gosto bastante ;)

Tereza Jardim disse...

Esqueci de dizer: um post sobre a falta de post?

I SEE WHAT YOU DID THERE!

Filiblog disse...

@decontros: a equipe de designs franceses é composta por Tiquê e Téquê, meus neurônios, que fizeram o trabalho em dois minutos

@cristina: Elogios de mãe não valem, mas obrigado mesmo assim :D

@comentário excluído: n se garante?

@roberta BRIGADUU

@tereza mal tu lembra que esse já é o segundo post sobre a falta de assunto ehhehehehe

Tereza disse...

Então tu tá enchendo linguiça LIKE A BOSS!